O TILINTAR DE PEQUENOS SINOS OK
O TILINTAR DE PEQUENOS SINOS OK

 

  As imagens usadas neste site foram tiradas da net sem autoria das mesmas.

Caso alguém conheça o autor das imagens, agradeceremos se nos for comunicado,

 para que possamos conferir os devidos créditos.

Grata<>Maju

  O Tilintar de Pequenos Sinos,

 indicava a chamada à nossa primeira alimentação.

Alimentação frugal que nos era oferecida.

Recordo os invernos rigorosos em que o caldo quente,

servido em pequeninas tigelas, em porções exatas,

mostravam a medida certa que nos deveria nos satisfazer.

 

E assim, educávamos uma de nossas aptidões; àa saciedade!

O retornar, ainda com uma pequena porção,

 significava a vitória da vontade sobre o prazer.

 

Era o simbolismo da força do espírito sobre a matéria.

A tigela maior, não era retirada de nossa frente,

pois nós, os neófitos,  necessitávamos ainda nos abastecer,

mas a próxima refeição era uma lauta mesa de cereais,

 a qual daria para reabastecer

“os nossos celeiros.”

 

 Mas o fazíamos, intercalada com músicas sacras e suaves,

para lembrarmos-nos do espírito, pois, dizia-se que este,

precisava igualmente ser alimentado, e bem alimentado,

para poder direcionar a matéria física.

E cumpríamos o nosso ritual, prosseguindo assim, o nosso dia...

 Yang Chenàum Neófito

 Psicografia: Maju

Copyright Maju <<>> Todos os Direitos Reservados

LIVRO DE VISITAS <> ASSINAR > LER

MENSAGEM ANTERIOR         PRÓXIMA MENSAGEM