A FONTE QUE ALIVIA A SEDE OK
A FONTE QUE ALIVIA A SEDE OK

Resvalando por íngremes desfiladeiros, em difíceis escaladas,

o discípulo exausto encontra o Caminho! Pé ante Pé, inseguro e temeroso,

finalmente chega ao Templo e vê o Mestre!

 

 Julgava-O Altaneiro, Inatingível, porém sente alguém solidário; Amigo!

Sim, Um Amigo a escutá-lo...

 

 

Em silêncio e bem devagar, levanta a fronte e fita o Mestre...

É a primeira vez que ali está. Uma grande intimidade os aproxima,

e como viajor perdido e desorientado, logo fala das suas inquietações...

Pede orientações como se já se conhecessem, sem saber que este Mestre,

há séculos já o esperava! Dá-se o encontro...

Após um grande silencio, as instruções chegam...

 

Ele pergunta da fonte que alivia a sede e do pão que mata a fome!

 

O Mestre fala desse Pão e dessa Água, através da pequenina Voz sem som...

 Filho! As pedras limosas, escorregadiças, fantasiadas de verde esperança,

 por onde subias e resvalavas, não era a tua realidade, mas, ainda existem

 

Não te culpes se voltares a escorregar nessas pedras!

Elas existem desde quando te abrigavas em profundas cavernas,

 entre perigosos desfiladeiros, por onde tantas vezes despencastes...

 

Pelos desertos, onde solitário andastes,

e dos profundos  e tristes vales por onde estivestes,

 quando a sua perspectiva de vida e valorização pessoal,

 dependiam da afirmação alheia...

 

Aquieta a tua mente e não te esqueças de retornar...

Já conheces o verdadeiro Caminho! As Portas estarão sempre abertas...

 Filho! O orgulho pode estar como serpente,

oculta por entre as folhas da dissimulação e do poder ilusório!

 

Cuida também de percebê-la...

As Montanhas, Precipícios e Vales Profundos,

ainda são reais e contínuos aí nessa vida,

mas o discípulo precisa percorrer este caminho, para que chegue ao Templo...

 

Muitos Mestres trilharam este caminho antes de chegarem ao Templo da Iniciação,

onde estava escrita a Palavra: “Persistência”...  

Onde Sabedoria não é privilégio de Reis e sim,

de aprender o que a Vida tem para ensinar...

 

Faça da Consciência a Tua Guia, da Verdade, o teu Lema e do Amor, o teu Templo...

 Aí, Estarei Contigo...  

   

 O Monge

 

  

 

 

 Psicografia: Maju

Copyright Maju <> Todos os Direitos Reservados 

 LIVRO DE VISITAS <> ASSINAR @ LER

 MENSAGEM ANTERIOR        NOVA MENSAGEM